Benefícios da Pera

Pera é nome genérico do pseudofruto de várias espécies de pereira (gênero Pyrus, família Rosaceae). Este pomo, muito consumido no mundo todo, além de saboroso, é bastante nutritivo. O texto a seguir vai abordar assuntos relacionados ao histórico, cultivo e variedades da pera, e, sobretudo, as suas formas de uso, para que serve, as propriedades nutricionais e os benefícios da pera para a saúde e boa forma

Origem e História da Pera
A pereira é oriunda da Índia, mais precisamente da Caxemira, e também do Oriente Médio. Há registros da pera, desenhos em tábuas de argila dos povos sumérios, que datam de aproximadamente 3 mil anos. Os gregos e romanos a disseminaram pela Europa. Os colonizadores europeus foram os responsáveis por introduzirem a fruta no continente americano.

Cultivo de Pera no Brasil
O cultivo em nosso país é modesto, se limita às regiões sul e sudeste, pois a pereira tem preferência por climas mais temperados. A maior parte das peras que consumimos, cerca de 90%, provém de outros países, como Chile, Argentina, Portugal e Estados Unidos. Infelizmente, a produção de pera no Brasil não consegue atender a demanda do mercado interno e ainda é limitada ao período de fevereiro até abril.

Para que serve a pera?
Os benefícios da pera podem ser obtidos através do consumo em diversas formas. Você pode comê-las cruas e na forma de compotas, geleias e sorvetes. Por ser muito suculenta, ela é ótima para se fazer sucos. Existem também as cidras de pera, que são produzidas pela fermentação do suco. A fruta também é usada como ingrediente de pratos salgados; ela combina muito bem com queijos.

Veja também: Calorias da Pera – Tipos, Porções, Dicas e Receitas

Propriedades da Pera
As atividades antioxidante e anti-inflamatória são as propriedades medicinais de maior destaque da pera. Com relação à sua composição, elas têm uma grande quantidade de água (cerca de 84%) e de fibras, inclusive na casca, e também são uma boa fonte de vitamina C, vitamina K e cobre. As peras ainda apresentam fitonutrientes das seguintes classes: carotenoides, flavonoides, flavan-3-ol, hidroquinonas, ácido hidroxibenzóico e ácido hidroxicinâmico. As variedades com casca vermelha ainda possuem antocianinas. Cada 100 gramas de pera fornecem 58 calorias, na sua maioria provenientes de carboidratos.

Benefícios da pera – Para que serve
Veremos como as propriedades da pera proporcionam benefícios para saúde e boa forma:

1) A pera ajuda a previnir vários tipos de câncer
A pera apresenta uma importante atividade antioxidante. Ela contém compostos carotenoides (como o betacaroteno, a zeaxantina e a luteína), flavonoides e vitamina C. Em condições de estresse oxidativo, nosso corpo fica exposto a uma grande quantidade de radicais livres, que são capazes de induzir mutações no DNA, e, com isso, as células passam a se proliferar desenfreadamente. Comer pera, portanto, ajuda a combater esses radicais livres, o que nos previne da ocorrência de vários tipos de câncer (de mama, próstata, carcinoma de células escamosas do esôfago, pulmão, cólon e reto).

ARTIGOS COMPLEMENTARES
8 Receitas de Vitamina de Pera para Emagrecer
9 Benefícios da Pera Asiática – Para Que Serve e Propriedades
Pera Prende ou Solta o Intestino?
10 Receitas de Suco Detox Com Manga Para Emagrecer
Os ácidos hidroxicinâmicos da fruta, por sua vez, ajudam a evitar o câncer de estômago.

As fibras da pera também desempenham este efeito protetor contra o câncer, especificamente contra os tumores do cólon e do reto. Além de se ligarem aos ácidos biliares, essas fibras também se unem aos chamados ácidos biliares secundários, diminuindo as suas quantidades. Os ácidos biliares secundários estão associados ao surgimento de problemas intestinais e a um maior risco de desenvolvimento de câncer colo-retal.

2) A pera ajuda a evitar doenças cardíacas
Por sua ação antioxidante, há também benefícios da pera para o coração, pois o estresse oxidativo também provoca doenças nesse órgão. Um estudo publicado no American Journal Clinical Nutrition relata que os flavonoides da pera diminuem as chances de ter doenças cardíacas.

Ademais, as fibras solúveis da pera ajudam a reduzir os níveis de colesterol. O excesso de colesterol é um importante fator de risco para as doenças que afetam o coração. O mecanismo de ação dessas fibras ainda é incerto: pode ser por conta do propionato, composto formado pela fermentação dessas fibras e que impede a síntese de colesterol no fígado ou pelo fato delas estimularem a excreção de ácidos biliares, e, assim, o fígado precisa captar o colesterol da corrente sanguínea para produzir mais bile.

3) A pera previne e ajuda a controlar o diabetes
Dietas ricas em fibras são comumente indicadas paras os portadores de diabetes. No intestino, a pectina presente na pera se transforma em um gel, que vai liberando a glicose gradativamente para a corrente sanguínea. Portanto, comer pera ajuda a controlar a glicemia.

O diabetes do tipo 2 é provocado por um quadro de resistência à insulina, as células deixam de captar a glicose do sangue por se tornarem insensíveis ao hormônio. Os níveis de glicose passam então a subir no sangue. Pesquisadores descobriam que os compostos flavan-3-ol, flavonoides e as antocianinas da pera promovem uma melhora dessa sensibilidade das células à insulina.

4) A pera tem ação anti-inflamatória
Além de ação antioxidante, alguns fitonutrientes da pera também apresentam uma atividade anti-inflamatória. O consumo da pera ajuda a atenuar doenças como a gota e a artrite e a diminui a dor provocada por elas.

5) A pera é uma aliada do Sistema Imunológico
O consumo de pera ajuda a prevenir doenças corriqueiras, como gripes e resfriados. A pera contém vitamina C, um nutriente que intensifica tanto a produção como a atividade dos leucócitos (células de defesa do nosso organismo). E, por ser tão refrescante, ela também ajuda a aliviar a febre.

6) A pera é boa para o intestino
Como vimos, a pera é uma excelente fonte de fibras, solúvel e insolúvel, para o organismo. Uma unidade média possui cerca de 5,5 gramas de fibra. As fibras mais encontradas na pera são de polissacarídeos não-solúveis, como a pectina.

A ingestão de fibras na dieta ajuda a manter o intestino saudável. Como já vimos, sua fração solúvel, além de reduzir a absorção de colesterol e glicose, ajuda a evitar o câncer colo-retal. A fração insolúvel evita os quadros de constipação e a ocorrência de diverticulites e hemorroidas.

7) A pera ajuda a emagrecer
Muitas pessoas se perguntam se dentre os benefícios da pera está o de ajudar a emagrecer. A pera é pouco calórica e suas fibras também ajudam a emagrecer. A ingestão de fibras promove uma sensação de saciedade, e, dessa forma, você deixa de comer exageradamente. Vale a pena destacar que esse efeito é bem mais evidente quando você ingere fibras presentes nos alimentos de sua dieta do que a partir de suplementos.

A pera é uma ótima opção para acabar com aqueles desejos por doces: ela é saborosa e muito mais saudável.

Veja também: Pera Engorda ou Emagrece?

8) A pera é boa para pele e para os cabelos
A pera possui carotenoides, agentes oxidantes, que retardam o envelhecimento da pele, prevenindo o surgimento de manchas e rugas. Essas substâncias também ajudam a evitar a perda capilar.

Dicas
Por mais que não existam evidências de problemas relacionados ao consumo da pera, evite exageros: como qualquer outro tipo de alimento, coma com moderação.
O ideal é armazenar as peras a temperatura ambiente. Se você for mantê-las na geladeira, procure deixá-las na parte inferior, distantes de alimentos de aroma forte, pois elas tendem a absorver esses odores.
As peras são muito frágeis; qualquer batida e elas já começam a oxidar. Se possível, coloque um papel entre elas, mas não sobre elas, para evitar esses choques. Se você as cobrir por completo, elas amadurecem rapidamente, e podem estragar facilmente.

Fonte: https://www.mundoboaforma.com.br/8-beneficios-da-pera-para-que-serve-e-propriedades/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *